Excitante! Estudo mostra que cannabis melhora a função sexual

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
(Foto: Freepik/Wayhomestudio)

Por João R. Negromonte com informações de Canex

O estudo reuniu 274 participantes com idades entre 18 e 30 anos, sendo 185 mulheres e 89 homens, que foram questionados sobre o consumo de cannabis e álcool antes da relação sexual. Segundo descobertas, usuários frequentes dessas substâncias relataram melhor desempenho em relação aqueles que se abstiveram ou misturaram os dois produtos. 

Para os pesquisadores, os derivados da cannabis, assim como o álcool, aumentam a excitação nessa população mais jovens por estar geralmente associados à redução da vergonha e da ansiedade. No entanto, segundo a literatura, esse tipo de comportamento pode estar relacionado ao alto consumo dessas substâncias, o que também pode causar insegurança na hora “H”. 

É necessário ressaltar que tal análise não está incentivando o uso dessas substâncias, e que educação sexual para a população mais jovem deve estar incorporada a estratégias didáticas que diminuam a ansiedade e a vergonha durante os encontros sexuais, se fazendo dispensável o uso de qualquer solução entorpecente. 

Entretanto, relatos de pessoas que fazem uso da cannabis ou do álcool para obterem maior satisfação e experiências sexuais mais intensas, são constantes. Segundo informação do portal Canex, existe até um termo que define essas pessoas chamado “Cannasexuals”. 

Ashley Manta, uma coach de sexo e especialista na combinação sexo e cannabis, explica que esse grupo de pessoas (cannasexuals), buscam conscientemente essa combinação com o intuito de aprofundar na relação e elevar o o prazer.

Ashley Manta em seu canal no instagram @cannasexual (Foto: Reprodução/instagram)

Ashley explica que o THC é uma substância vasodilatadora, por isso quando vaporizado costuma deixar os olhos vermelhos. Dessa maneira, quando se aplica a substância diretamente na vagina, isso faz com que chegue mais sangue nessa área, o que significa mais lubrificação e maior excitação no momento da relação.  

A especialista ainda reforça: “Você não vai se sentir chapada; apenas irá aproveitar os benefícios físicos sem ter nenhum efeito colateral psicoativo.”

Conclusão

O estudo sugere que a cannabis pode sim ajudar com os problemas de vergonha e ansiedade no momento da relação sexual. Porém, mesmo com relatos da eficácia dessa “terapia canábica” e estudos que comprovem a ligação entre o prazer e a utilização de algumas substâncias como álcool e a maconha, pesquisadores indicam que uma educação sexual é o melhor caminho para que pessoas não criem uma dependência desses produtos sempre que quiserem ter algum tipo de prazer.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese